Mostrando postagens com marcador Amazan. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Amazan. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 24 de dezembro de 2019

AMAZAN

História de Amazan

  Nascido em 5 de Outubro do ano de 1963 em Campina Grande, José Amazan Silva teve também passagem em sua infância no Jardim do Siridó interior do Rio Grande do Norte e  lá passou a criar gosto pela música nordestina, mas ele só veio a despontar no seu berço na rainha da Borborema em Campina Grande através dos "tropeiros da Borborema" virando assim um show man da nova geração e Agora é a hora de falar um pouco das informações que ele mesmo Amazan concedeu em entrevista a Osvaldo Travassos no quadro "Paraíba é Sucesso" onde logo de cara ele narra que trocou um rádio Sanyo por uma sanfona do fole furado, mas foi nela que ele deu os seus primeiros passos.

  E trabalhando de pedreiro em Campina Grande ele conseguia se manter e quando os serviços já havia sido concluído e ele já quase voltando para o Jardim do Siridó até que chega uma carta dando um convite para defender uma música que ele compôs, e foi assim que ele conseguiu entrar para os Tropeiros da Borborema onde ali ele conseguiu pegar um respaldo tanto nacional como internacional chegando em 1986 a ir a Espanha e mais alguns países da Europa, cantando e compondo Amazan ganhou seu espaço, entre seus poemas de sucesso temos "Palavra de nordestino" "Radio" "A diferença do Papo pro Saco" poesia essa declamada em seu primeiro lp e foi um sucesso, casado desde os 17 anos de idade. 
  
  Amazan até o ano de 2001 sempre bancava suas próprias obras valorizando ainda mais a história desse grande nordestino que criava as obras tanto intelectualmente como fisicamente e ainda divulgava seus trabalhos frente a frente com o público, de fato Amazan tem seu espaço sim no primeiro escalão dos grandes músicos nordestinos.